Notícias

12/03/2019 15:35

Feira de Negócios do Turismo Amazônia Mato-grossense é tema de discussão entre Sebrae e Secretaria Desenvolvimento

(ASCOM)

Dando sequencia nas ações de fortalecimento, buscando mais visibilidade e fomentando o turismo local, iniciados ainda no mês de fevereiro, a secretária municipal de Desenvolvimento, Celia Castro, junto com a direção de Cultura e de Turismo, se reuniu com o Sebrae e diretoria do Grupo de Gastronomia na última semana, para discutir a implantação da Feira de Negócios do Turismo Amazônia Mato-grossense (Feitam) dentro do Festival Gastronômico Sabores da Floresta, desta forma garantindo a regionalização do festival.

O Festival Gastronômico acontece nos dias 05, 06 e 07 de julho, na Praça da Cultura (Praça do Avião), um evento que entra em sua 6ª edição em 2019, a reunião realizada na sede do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) amadureceu a ideia da junção dos eventos.

“Pro Sebrae que trabalha com olhar de Turismo Integrado e que entende que turismo e feito pelo tripé, empresas, órgãos públicos e sociedade, nós estamos vendo com muita felicidade porque entendemos que isso tudo é o processo natura do desenvolvimento e crescimento, um festival que começou com a gastronomia, porém esta dentro do turismo, então nada mais justo que outros segmentos venham juntos como a cultura, a produção associada, a produção rural, enfim, tudo que possa agregar para facilitar o entendimento da sociedade do quanto o turismo é importante, nós vimos a consolidação desta proposta com muito bons olhos e vamos trabalhar juntos”, destacou a Gerente de Marketing e Comunicação, Marta Toresan, parabenizando a visão estratégica regional para o turismo, frisando ainda a importante visão da secretária de Desenvolvimento de Alta Floresta, Célia Castro e o represente regional de Turismo de Paranaíta, Érico Baukat.

Para o representante do grupo Gastronômico, Jaime Barella, turismo e cultura vieram para somar com o evento, que já está consolidado. “A gastronomia já vem há cinco anos, estamos entrando no sexto e agora veio o turismo e a cultura, para nós só veio a somar, sinal que o município nosso está crescendo, e nós estamos unindo todas as forças porque vai ser um evento top de Alta Floresta, porque vai ter a gastronomia, vai ter a cultura e o turismo, para nós vai ser fantástico unir todas estas pessoas”.

Célia Castro destaca a mudança registrada no turismo nos últimos 20 anos, como hoje haver interpretes, e pessoas preparadas para receber os turistas estrangeiros. “A ideia é realmente valorizar esse evento e mostrar o potencial que a gente tem aqui na Amazônia através da feira. Será a Feira de Turismo da Amazônia Mato-grossense, mostrar todo o nosso potencial cultural da região, nós precisamos trabalhar cada vez mais isso e chamar a atenção do governo, chamar a atenção do Brasil que nós estamos aqui com produto consolidados, já recebemos muitos turistas e com condições de receber cada vez mais, de uma forma organizado e profissional. Então é mostrar isso, mostrar isso para fora e para a nossa população”, apontou Castro frisando que em Alta Floresta o turismo está se destacando e três vertentes, primeiro turismo de negócio, segundo o eco turismo e em terceiro a pesca esportiva e a parte cultural.       “Então vamos valorizar isso e não tem melhor maneira que somar tudo isso e fazer um único evento, trazendo para cá pessoas da região e mostrando para a nossa própria população o nosso potencial”.

Representante do turismo regional, e diretor de Cultura no município de Paranaíta, Érico Baukat, frisa que a ideia da parceria com a gastronomia que já é evento consolidado vai somar, fala que a parceria mostra o amadurecimento e crescimento do turismo, “A caminhada nossa como região turística é uma coisa que já vem acontecendo de muitos anos, tendo como foco principal a questão da gente poder unir e trazer a visibilidade destes atrativos e de tudo que o turismo pode gerar em torno do nosso município. Então um evento do porte que a gente está sonhando agora, é um evento que vai fazer com que a própria população consiga conhecer o que tem de turístico, potencial e possibilidade, o que tem de produto pronto de turismo, mas também é uma forma de mostra isso para fora, um evento como o que a gente está pensando vai fazer com que outras regiões possam visualizar a nossa região como potencialidade pro turismo”, apontou Baukat parabeniza todos os prefeitos, em especial o prefeito de Paranaíta Toni Rufatto, que não mede esforços para que o município se destaque.


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo