Notícias

17/04/2018 16:17

Cães bombeiros de três Estados passam por prova de certificação na Arena Pantanal

(olivre)

Doze cães bombeiros militares passarão por provas de certificação para salvamentos em áreas rurais na Arena Pantanal, durante esta semana. Os cachorros são de corporações de três Estados do Brasil: Mato Grosso (cinco), Goiás (cinco) e Mato Grosso do Sul (dois).

A certificação conta com várias provas. Nesta terça-feira (17), os cães passaram por um reconhecimento da pista em que acontecerá a prova de obediência e destreza, na área externa da Arena Pantanal.

A prova na Arena será realizada durante a manhã da quinta-feira (19) e conta com exercícios e aparelhos, na qual é testada a habilidade do cão, o grau de obediência e o controle que o condutor tem sobre o cachorro.

Já a prova de busca rural acontecerá em região de mata, um lugar isolado em que é delimitada uma área e se coloca até três vítimas. O cão tem no máximo 30 minutos para encontrar todas as vítimas. A prova será realizada próximo à região do Bairro Tijucal.

O desempenho dos cães será avaliado por dois árbitros de Goiás, um de Mato Grosso e um diretor de prova de Santa Catarina. Depois de certificados, os cães aprovados poderão fazer buscas em zonas rurais.

LIVRE acompanhou o reconhecimento feito na Arena Pantanal nesta terça-feira (17), os cães e seus condutores estão preparados e animados para a prova. Veja:

Atualmente, Mato Grosso só tem a cadela Sharon certificada, porém, outros cinco cães participarão desse evento, todos foram criados pelos militares desde pequenos. Uma das cadelas que participará da prova é a Mel, que participou e foi essencial na busca de um homem que havia desaparecido em Cáceres no dia 07 de abril. Ele foi encontrado um dia após o trabalho da cadela. Somente neste mês os cães já foram usados em Mato Grosso em três casos.

Os cães bombeiros militares podem receber várias certificações, além da busca rural – que, segundo o capitão bombeiro Rafael Ribeiro Marcondes, condutor da Sharon (de Mato Grosso) e um dos árbitros nessa certificação, representa 90% do uso dos cães na corporação -, eles podem ser empregados em buscas urbanas e de restos mortais, desde que sejam aprovados nas provas.

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Aqui em Mato Grosso, assim como em Mato Grosso do Sul, os cães militares moram junto com os condutores. A intenção, segundo o capitão Marcondes, é proporcionar maior interação da dupla.

“Por uma questão de criar um vínculo, que é muito importante na hora da operação e também pela facilidade de treinamento, mobilidade. A gente tem resultados muito melhores do que os cães que são criados em isolamento em canis”, disse o militar.

Os eventos de certificação são caros, muitas vezes impedindo que os cães possam ser certificados com maior facilidade. Por isso, a intenção de trazer a prova pra Cuiabá, segundo Marcondes, é atender a demanda de Mato Grosso e dos demais Estados do Centro Oeste

“É importante fazer a certificação, para que a gente tenha uma garantia de estar oferecendo para a população um serviço realmente de qualidade”, disse o capitão.

Bombeiro há 12 anos, o capitão Fábio Pereira de Lima, do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul, segue a mesma linha do capitão Marcondes e ambos trabalham com cães há seis anos.

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Lima trouxe seu cão Duque, da raça Pastor Belga, e outro militar de MS trouxe um blue heeler. A corporação de MS, segundo o capitão, foi a última do país a trabalhar com cães.

“No Sul tem mais de 15, 20 anos, agora nós estamos bem recentes. E esse trabalho exige uma dedicação muito apurada, porque para um cão chegar ao nível dessa prova são cerca de mil horas de treinamento”, disse Pereira.

Com o certificado ele espera levar melhorias na qualidade de serviço da corporação de Mato Grosso do Sul. A viagem com os cães foi realizada de camionete, visto que em outra oportunidade, quando foram de avião para João Pessoa (PB), os animais ficaram agitados e estressados.

 

© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo