+ Noticias

12/10/2021 18:52

Covid19 - Alta Floresta reforça dose e inicia vacinação de 12 a 17 anos

Primeira dose para adolescentes e terceira para idosos também serão aplicadas 

Após avançar na vacinação para as pessoas com idade até 18 anos e seguindo a orientação do Ministério da Saúde, a Secretaria Municipal de Saúde de Alta Floresta iniciará a vacinação para os jovens com idade de 12 a 17 anos.

Para garantir a imunização completa, com as duas doses, a recomendação do Ministério da Saúde é para que estados e municípios sigam uma ordem de prioridades. Primeiro, devem ser vacinadas adolescentes com deficiência permanente e em seguida, quem tem comorbidades previstas no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO). Após esses dois grupos, a prioridade é de gestantes e puérperas, entre 12 e 17 anos, adolescentes privados de liberdade e por fim, adolescentes sem comorbidades.

A vacinação deve ser realizada com o imunizante da Pfizer/BioNTech, considerando que é o único, até o momento, autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para essa faixa etária.

Reforço

Além da vacinação de 12 a 17 anos, a SMS iniciará também a dose extra, o reforço da vacinação para população de 60 anos, dos Profissionais da Saúde e dos imunossuprimidos.

Para os Profissionais da Saúde e 60 anos acima é preciso um intervalo de 6 meses da segunda dose. Já os dos imunossuprimidos, apenas 28 dias de intervalo da D2 para receberem a dose extra.

Para isso, basta eles se dirigirem as Unidades de Saúde dos bairros onde residem, Unidade de Referencia, e se informarem do calendário de vacinação. Nos casos dos menores de idade, deverão estar acompanhados dos pais.

E obrigatório apresentar documento pessoal com foto, CPF, cartão SUS e carteira de vacinação.

D2

Paralelo a isso, a equipe de vacinação segue atendendo os agendamentos da segunda dose na Central de Vacinação da Covid19, localizada no Complexo Esportivo Geraldo Ramos, Ginásio Pezão nos horários das 07h30/10h30 e das 13h30/16h30.

IMUNOSSUPRESSÃO

As pessoas imunossuprimidas, aquelas que possuem algum tipo de deficiência imunológica, são as seguintes:

  • Indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea;
  • Pessoas com HIV e CD4 <350 células/mm3;
  • Pessoas com doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de dose de prednisona ou equivalente > 10 mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticóide e/ou ciclofosfamida;
  • Pessoas com lúpus
  • Pessoas com artrite reumatóide
  • Demais indivíduos em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias;
  • Pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radioterápico nos últimos 6 meses;
  • Pessoas com neoplasias hematológicas.

 


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo